“LIBERDADE DE IMPRENSA”

Não há ninguém mais carreirista de si mesmo, do que o “macunaímico”, Nelson Jobim. Tendo confessado os crimes cometidos como Constituinte, foi para o Supremo, de onde saiu EXPULSO.

Aproveitou a tragédia do avião da Air France, não saiu das televisões, e também com a novela corrupta da compra dos Rafales. Ainda conseguiu matéria no jornalão de SP, com o título, “DECISÃO FOI VITÓRIA PESSOAL DE JOBIM”.

Naturalmente, apóiam sua pretensão, a palavra exata é essa, de ser vice. Ha! Ha! Ha!

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *