1 trilhão sem trabalhar

A empreiteira Mendes Junior pediu à Chesf o pagamento de 1 TRILHÃO E 200 MILHÕES. Para quê? Indenização por supostos e alegados prejuízos. E o que a Chesf tem com isso? É acusada de “pagar as faturas com atraso”. Revoltada, a Justiça deu ganho de causa à Chesf.

Agora, o controlador (proprietário) da Mendes Junior vai colocar Sarney no circuito para reverter a decisão. Motivo: o empreiteiro e o senador são amicíssimos. Quando era presidente (da República e não apenas do Senado) e Mendes Júnior teve problemas no Oriente, Sarney resolveu. De graça, sem qualquer reciprocidade, apenas diplomaticamente.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *