Crime de lesa-ptria

Carlos Chagas

Mais do que burrice, crime o que acaba de decidir o Ibama, com total anuncia do ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, negando licena para o asfaltamento da rodovia que liga Manaus a Porto Velho. Trata-se de explcita agresso ao desenvolvimento e soberania nacional. Crime de lesa-ptria, daqueles que em tempo de guerra determinariam um peloto de fuzilamento.

A estrada, BR-319, existe apenas nos mapas. Faz tempo que ficou impossvel transitar nela. barro para todo lado. O asfalto torna-se vital para a ocupao da regio entre as duas capitais, porque exceo das margens dos rios Purus e Madeira, l no se encontra vida civilizada. Os ambientalistas falam em danos floresta e pressupem ocupao irregular, grilagem de terras pblicas, avano do desmatamento e extrao incontrolvel de madeira. Bastaria que o Ibama cumprisse suas obrigaes para que todas essas mazelas fossem evitadas. Ou seus fiscais preferem ficar nas grandes cidades?

Includo no PAC, o asfaltamento da rodovia teve sua concluso prevista para o final de 2011. No vai dar. As obras no comearam.

O grave na histria que Carlos Minc e seus companheiros insistem na transformao da Amaznia num vasto jardim botnico posto disposio de ONGs fajutas a servio de multinacionais mal-intencionadas. Colocam em risco a soberania nacional. Deveriam ser presos. Ou, pelo menos, demitidos. Com a palavra a ministra Dilma Rousseff.

GUARDEM AS CAMISAS

Diz tudo a careta feita pelo presidente Barack Obama diante do presidente Lula, ao receber uma camisa da seleo brasileira de futebol assinada por alguns craques. Afinal, h poucos dias, nosso time venceu o selecionado americano, na Copa das Confederaes. A impresso de Obama deve ter sido de que Lula tripudiava com ele.

A informao de que o chefe do governo brasileiro far daqui por diante o que acaba de fazer na Itlia, presenteando presidentes e primeiros-ministros com camisas amarelas. Parece coisa de caipira, no obstante as melhores intenes de que possa estar imbudo o doador, trabalhando para o bom xito da Copa do Mundo de 2014, prevista para se realizar no Brasil. Se a moda pega, Obama deveria dar ao Lula luvas de boxe, j que nesse esporte seu pas campeo. O presidente da China distribuiria bolas de ping-pong, o primeiro-ministro ingls, tacos de cricket, e o da Austrlia, miniaturas de iates.

Mas o Papa no oferece teros e medalhinhas a quantos o visitam? perguntariam os lulistas. Pois …

Mau gosto

Instala-se tera-feira a CPI da Petrobrs. Na quinta o Congresso entra em recesso. Em agosto comeariam os trabalhos. Ignora-se o roteiro a ser seguido, pelo menos enquanto no se tiver certeza de quem sero o presidente e o relator da investigao.

Restam poucas dvidas de que os integrantes da oposio buscaro apurar as acusaes contra o senador Jos Sarney, por haver o seu mausolu de So Luiz recebido recursos pouco claros da Petrobrs. A maioria certamente negar condies para a elucidao da denncia, mas o que se torna inusitado a discusso a respeito da Fundao Jos Sarney. Pouca gente fora do Maranho sabia de sua existncia, muito menos de que, num dos ptios internos do antigo Convento das Mercs, esto implantadas as bases do seu futuro tmulo. Algo no mnimo de mau gosto na biografia do ex-presidente.

Ciro na dvida

Ciro Gomes transferiu seu ttulo eleitoral para So Paulo, menos por haver nascido em Pindamonhangaba, mais por parecer inclinado a candidatar-se ao governo do estado, com o apoio do PT. Decidir em breve, mas sabendo que parte dos companheiros paulistas mostram-se infensos ao seu desembarque. Como a palavra final ser mesmo do presidente Lula, registre-se a hiptese de mais uma crise no partido oficial. Nela, Ciro Gomes entra como Pilatos no Credo.

CRIME DE LESA-PTRIA

Mais do que burrice, crime o que acaba de decidir o Ibama, com total anuncia do ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, negando licena para o asfaltamento da rodovia que liga Manaus a Porto Velho. Trata-se de explcita agresso ao desenvolvimento e soberania nacional. Crime de lesa-ptria, daqueles que em tempo de guerra determinariam um peloto de fuzilamento.

A estrada, BR-319, existe apenas nos mapas. Faz tempo que ficou impossvel transitar nela. barro para todo lado. O asfalto torna-se vital para a ocupao da regio entre as duas capitais, porque exceo das margens dos rios Purus e Madeira, l no se encontra vida civilizada. Os ambientalistas falam em danos floresta e pressupem ocupao irregular, grilagem de terras pblicas, avano do desmatamento e extrao incontrolvel de madeira. Bastaria que o Ibama cumprisse suas obrigaes para que todas essas mazelas fossem evitadas. Ou seus fiscais preferem ficar nas grandes cidades?

Includo no PAC, o asfaltamento da rodovia teve sua concluso prevista para o final de 2011. No vai dar. As obras no comearam.

O grave na histria que Carlos Minc e seus companheiros insistem na transformao da Amaznia num vasto jardim botnico posto disposio de ONGs fajutas a servio de multinacionais mal-intencionadas. Colocam em risco a soberania nacional. Deveriam ser presos. Ou, pelo menos, demitidos. Com a palavra a ministra Dilma Rousseff.

GUARDEM AS CAMISAS

Diz tudo a careta feita pelo presidente Barack Obama diante do presidente Lula, ao receber uma camisa da seleo brasileira de futebol assinada por alguns craques. Afinal, h poucos dias, nosso time venceu o selecionado americano, na Copa das Confederaes. A impresso de Obama deve ter sido de que Lula tripudiava com ele.

A informao de que o chefe do governo brasileiro far daqui por diante o que acaba de fazer na Itlia, presenteando presidentes e primeiros-ministros com camisas amarelas. Parece coisa de caipira, no obstante as melhores intenes de que possa estar imbudo o doador, trabalhando para o bom xito da Copa do Mundo de 2014, prevista para se realizar no Brasil. Se a moda pega, Obama deveria dar ao Lula luvas de boxe, j que nesse esporte seu pas campeo. O presidente da China distribuiria bolas de ping-pong, o primeiro-ministro ingls, tacos de cricket, e o da Austrlia, miniaturas de iates.

Mas o Papa no oferece teros e medalhinhas a quantos o visitam? perguntariam os lulistas. Pois …

MAU GOSTO

Instala-se tera-feira a CPI da Petrobrs. Na quinta o Congresso entra em recesso. Em agosto comeariam os trabalhos. Ignora-se o roteiro a ser seguido, pelo menos enquanto no se tiver certeza de quem sero o presidente e o relator da investigao.

Restam poucas dvidas de que os integrantes da oposio buscaro apurar as acusaes contra o senador Jos Sarney, por haver o seu mausolu de So Luiz recebido recursos pouco claros da Petrobrs. A maioria certamente negar condies para a elucidao da denncia, mas o que se torna inusitado a discusso a respeito da Fundao Jos Sarney. Pouca gente fora do Maranho sabia de sua existncia, muito menos de que, num dos ptios internos do antigo Convento das Mercs, esto implantadas as bases do seu futuro tmulo. Algo no mnimo de mau gosto na biografia do ex-presidente.

CIRO NA DVIDA

Ciro Gomes transferiu seu ttulo eleitoral para So Paulo, menos por haver nascido em Pindamonhangaba, mais por parecer inclinado a candidatar-se ao governo do estado, com o apoio do PT. Decidir em breve, mas sabendo que parte dos companheiros paulistas mostram-se infensos ao seu desembarque. Como a palavra final ser mesmo do presidente Lula, registre-se a hiptese de mais uma crise no partido oficial. Nela, Ciro Gomes entra como Pilatos no Credo.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.