Ainda não satisfeito com a internação hospitalar, Toffoli manda Maluf para casa

Resultado de imagem para toffoli

Toffoli desconheceu o resultado da perícia

Jorge Béja

O ministro Dias Tófolli, do STF, acaba de ampliar a liminar concedida a Paulo Maluf para deixar a prisão e receber tratamento médico numa clínica particular em Brasília, mesmo contrariando o perito-médico do STF, que concluiu não ser necesssário o tratamento fora do cárcere.

Tófolli ampliou a medida e acaba de ordenar que Maluf vá para casa cumprir “prisão domiciliar”. Não entendo como isso pode acontecer. Gente rica e poderosa é outra coisa. Prisão domiciliar não é prisão. A própria locução é contraditória. Se é prisão, não é em casa que o prisiioneiro fica. Se for em casa, então não é prisão.

LAR, DOCE LAR… – A casa de cada um de nós, seja um barraco na Rocinha seja uma mansão ao largo do Lago de Brasilia, não é penitenciária, não é cárcere, não é presídio. Não é lugar para cumprir pena privativa de liberdade. Nossas casas são o lugar mais seguro e inviolável onde nos encontramos em companhia de nossos familiares, com conforto (ou sem conforto), com farta (ou pouca) alimentação. Nelas, em nossas casas, temos a liberdade de fazer o que nossa vontade e nossa necessidade quiserem. Nossas casas são santuários. Mais ainda nas favelas, as casas do morro, de teto sem forro, são cercadas de luz, lá não é calvário e sim santuário onde mora Jesus.

Errou o ministro. Ah! quanta falta não existir um instituto, um observatório, um tribunal social, composto por sábios e íntegros, para emitir um comunicado ao povo brasileiro a respeito disso e de muito mais de errado que vem acontecendo no Brasil!!!.

20 thoughts on “Ainda não satisfeito com a internação hospitalar, Toffoli manda Maluf para casa

  1. Por que o pau que bateu no Maluf não pode bater no Lullarapio? Lullarápio não pode ficar impune, tem que ser condenado e preso ainda que seja em prisão domiciliar.

    Aliás tudo indica que até mesmo para preservar sua vida o Lullarápio tem que ficar preso, haja visto os tiros que foram dados na sua comitiva. Mas há controversias, tão dizendo que pode ter sido armação, os próprios agentes petralhas teriam atirado no onibus. Em se tratando dessa gente(?) nada é impossível.

  2. Vale apena ser bandido …di menor … politico corrupto…empresário rico …

    Suprema corte de justiça que tem sinistros como esses do STF, não precisa de invasão de outros países para destruir nação !!

    Aqui no brasil cidadão honesto é punido pelo estado , pelos direitos dos manos , e pasmem a pena de morte foi imposta pelos sinistros aos inocentes fetos !!

  3. Isso é o que dá ficar nomeando advogados para serem juízes , ainda mais na última instancia.
    Isso tem que mudar !!
    Ministros devem ser submetido ao voto popular pra assumir um mandato 10 anos não cabendo reeleição !!

  4. Dr. Béja,
    Acho que a velhice amolece nossos corações. Por isso, apesar de Maluf ser o que eu chamo de “Ladrão Vocacional”, ou seja, daqueles que, embora riquíssimos, tem vocação para ladrões. Acho que o gesto de Toffoli foi humano. Afinal, Lula, que fez muito mais mal ao Brasil, continua solto e o médico Roger Abdelmassih, que estuprou diversas mulheres, cumpre prisão domiciliar, por que Maluf não tem esse direito ?

  5. Esse advogado de porta de cadeia que não conseguiu passar no concurso de juiz de 1 grau é que deveria estar preso. Estes juízes são mais bandidos do que aqueles que eles soltam. STF é um verdadeira gangue, a pior delas, pois garante a impunidade a todos. Tem que acabar com isso, este Tribunal é o maior entrave a democracia no país. Cambada de vagabundos e ratos.

  6. Não há mais o que escrever sobre esses togados sórdidos que atuam em linha com os interesses dos maiores ladroes do Brasil.
    Isso tem que acabar.

  7. Na véspera de ser preso, Maluf, estava jantando no mais luxuoso restaurante de São Paulo, o Fasano.

    Esbanjava muita saúde, e bebeu uma garrafa de vinho de 4 mil Euros.

    Como dizia a comediante Kate Lyra: “Brasileiro ser tão bonzinha”

    E emendo, muito ingênuo!

  8. Dr Beja, não entendi… Agora não existe mais a tal “causa humanista”?

    Ou só serve para a família Cabral este tal sentimento existe?????

  9. De pleníssimo acordo. Embora, por vezes, a própria lei caia na esparrela, prisão domiciliar não é prisão. Prisão é privação de liberdade. A “domiciliar”, no máximo, é restrição dela.

  10. Boa noite.

    Não sou idiota e sei que o momento não está para comentar, como muito bem visto no blog.
    Mas Maluf ou quem quer que seja é cadeia, pois milhões de brasileiros estão quase morrendo por falta de esperanças, sonhos e por morte mesmo nos hospitais.
    Levantem a bunda do sofá, bunda Dr. Bejá, não é palavrão, e vamos acabar com os entendimentos do STF.
    Se houver um presidiário nas masmorras de quaisquer presídios esta decisão é injusta. Velhinho, dana-se, existem muitos velhinhos passando fome agora.
    Que país é este, José Carlos.

  11. É nojento ver o STF sendo complacente com criminosos ricos e poderosos quase que todo dia, agora.

    O tribunal já deixou de ser o guardião da Constituição. É atualmente o anjo da guarda de bandidos ricos e poderosos.

    E que mensagem esses magistrados estão passando aos brasileiros honestos e trabalhadores???

    A mensagem de que os grandes e milionários crimes compensam, desde que praticados por membros de uma elite imunda, umbilicalmente ligada à política, ou mesmo de dentro desta.

    O país vê estarrecido que o trabalho das polícias, do MP e das instâncias inferiores da justiça vai todo por água abaixo, quando os processos chegam ao STF.

    Que país é este???

  12. Discordo Dr Béja; prisão domiciliar “se cumprida”, é prisão e muito mais barato para o contribuinte.
    Agora, o que eu quero ver, são eles devolvendo todo o R$ surrupiado, com multa e juros; mas, isto nunca acontecerá, nunquinha mesmo.

  13. Leio os comentários e analiso, para poder fazer o meu.
    Quanto ao pedido de intervenção militar, esqueçam, pois os Estados Unidos não permitiriam a volta do regime militar aqui no nosso país (diga-se de passagem que somos uma colônia americana).
    E em relação ao dia 31/03, o quê vocês acham que irá acontecer??? Tenho plena convicção que o mesmo de sempre, NADA….pois ficará uma multidão com balões e camisa verde e amarela para aparecerem na Globonews e só isso.
    Enquanto isso, o stf continuará fazendo o papel de sempre (libertando criminosos de colarinho branco). O próximo será o Cabral, que irá alegar depressão, pois basta arrumar uma doença para usufruir da prisão domiciliar. Daqui a pouso terá réu que pedirá prisão domiciliar para curar joanete e fazer tratamento de acne…kkkkkkkkk.
    A população não deveria fazer nenhum protesto no dia 31/03. Na verdade, o que de fato deveríamos fazer, é encher as caixas de e-mail dos deputados federais de nossos estados, exigindo uma lei para que os ministros do stf sejam eleitos pelo povo (como alguns políticos são, digo alguns, porque suplente de senador não é eleito pelo povo, o suplente é qualquer pessoa que o senador escolher).
    Acho o cúmulo do absurdo um ministro do stf ser indicado pelo presidente da república. Na verdade, as juntas dos magistrados deveriam sugerir candidatos e esses passarem por voto popular, e o ministro deverá pelo menos ter sido juiz de primeira instância, pois saberia o peso de um julgamento, pois “içar” uma pessoa do cargo de advogado para ser ministro do stf (sem ter sido magistrado), não seria uma atitude adequada.
    Acho que submeter os ministros do stf ao voto popular, daria mais moral a eles próprio, pois infelizmente viraram motivo de chacota. A população não vê credibilidade neles para mandarem prender um ladrão de fio de cobre. Infelizmente essa é a verdade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *