Celso de Mello, o ministro bipolar, mostra que nem tudo está perdido no Supremo

Resultado de imagem para celso de mello e carmen lucia

Cármen Lúcia e Celso de Mello deram votos rápidos e preciosos

Carlos Newton

Já era esperado que o julgamento do habeas corpus de Lula da Silva ficasse para agosto. Na fogueira das vaidades do Supremo, cada ministro quer ficar mais tempo falando, mesmo que a TV Justiça não esteja transmitindo ao vivo, como aconteceu na sessão da Segunda Turma, nesta terça-feira, dia 25. O mais incrível foi a mudança de posicionamentos, os ministros pareciam crianças disputando um brinquedo.

Como existiam dois pedidos diferentes de habeas corpus em favor do ex-presidente Lula da Silva e as questões foram pautadas como terceiro item da sessão por Ricardo Lewandowski, que até a semana passada estava na presidência da Segunda Turma, era óbvio que o segundo habeas corpus iria entrar pela noite, sem se saber quando terminaria. Tratava-se de um fato praticamente consumado, mesmo que a ministra Cármen Lúcia, nova presidente da Turma, não tivesse colocado os habeas para o final da pauta de 12 itens. 

INSISTÊNCIA – O advogado , que representa Lula, insistiu em colocar o assunto em pauta, por saber que em agosto o site The Intercept já terá caído no ridículo, passando a ser chamado de The Incompetent. Assim, no desespero de aproveitar a onda das denúncias contra o ex-juiz Sérgio Moro e os procuradores da Lava Jato, Zanin fez o possível e o impossível para colocar logo o assunto em pauta, com o apoio entusiástico de Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski, a dupla dinâmica dos defensores da “descriminalização” da política, uma justificativa que foi inventada para proteger políticos corruptos.

Com a sessão em andamento, ficou claro que não seria possível julgar o segundo habeas corpus ainda hoje. O ministro  Gilmar Mendes (ele, sempre ele..) então criou uma alternativa maluca e sem a menor base jurídica, propondo que o julgamento fosse adiado, mas Lula ganhasse liberdade até a decisão da Segunda Turma em agosto.

O relator Fachin, é claro, votou contra essa “escatologia’ processual, que é como os juristas classificam esse tipo de manobra de advogado, e no caso Gilmar Mendes agiu exatamente isso, não como juiz, mas como advogado.

AMIGO DE FÉ – Em seguida, um voto óbvio a favor da libertação. Intimamente ligado à família Lula da Silva, por intermédio de sua mulher, que conhecia Marisa Letícia desde quando as duas eram jovens em São Bernardo do Campo, o ministro Ricardo Lewandowski também votou a favor da soltura do amigo de fé, irmão, camarada.

Veio, então, o voto decisivo, de Celso de Mello, pois de antemão já se sabia que Cármen Lúcia acompanharia o relator e manteria Lula na cadeia. Uma expectativa enorme, com um suspense de matar o Hitchcock numa plateia repleta de petistas, entre os quais o senador Jaques Wagner e o ex-ministro José Eduardo Cardozo, e então ocorre o anticlímax.

FICA NA CADEIA – Em votos rápidos e coerentes, o ministro Celso de Mello e a ministra Cármen Lúcia votaram por negar a soltura de Lula até que o Supremo julgue o mérito do habeas corpus pedido sob argumento de que o juiz Sérgio Moro agiu com imparcialidade ao condená-lo no processo do triplex do Guarujá.

Assim, por 3 a 2, o sonho de libertar Lula e forçar a barra para mantê-lo fora das grades acabou novamente em pesadelo. Mas teremos novas emoções em agosto, quando novamente o decano Celso de Mello vai decidir a votação. Próximo de se aposentar, certamente o ministro não pretenderá sujar a própria biografia com um criminoso tão vulgar quanto Lula. É o que se espera.

###
P.S.A sessão de hoje na Segunda Turma demonstra que nem tudo está perdido no Supremo. Pelo menos, isso. (C.N.)

28 thoughts on “Celso de Mello, o ministro bipolar, mostra que nem tudo está perdido no Supremo

  1. “DOMINAÇÃO COMUNISTA” ? Então tá, conte agora aquela do papagaio, General. E quem seriam os tais, comunistas ? Os militares da ativa e de pijama ? Os marajás do funcionalismo público ? Os congressistas ? Os corruptos ? Os banqueiros, agiotas e afins ? Fala sério, Bussunda, é bonito isso , Lilico, que país é este Renato Russo ? Caraca, até onde vai essa demagogia barata, esquizofrênica, malandra, esse sofisma abominável, tão velho quanto os dinossauros e o Jurassic Park, essa conversa mole e fiada para bois bandidos continuarem dormindo na sombra, enquanto o povo morre à mingua ? Caraca, já estou morrendo de velho, ouço isso desde criança, e essa toada parece não ter fim. Para começo de comentário, em país onde impera a famigerada “Lei de Gerson”, aquela da mania que virou doença de levar o máximo de vantagem em tudo o tempo todo, não há espaço nenhum para o comunismo. Logo, não são os comunistas a desgraça do país. Aliás, no Brasil nem existem Comunistas de verdade, puro sangue. A desgraça do país são os vigarista$, oportunista$, aventureiro$ e aproveitadore$, à paisana e fardados, de direita, de esquerda e de centro, que vivem de ludibriar e abusar da boa-fé do sofrido e crédulo povo brasileiro, sempre usado como massa de manobra e bucha de canhão, e que, politicamente falando, encontra-se mais órfão, mais desnorteado e mais perdido do que jumentinho sem mãe, obrigado a trabalhar igual um condenado para sustentar a imensa podridão centenária que ai está e sempre esteve, em forma de estado de extorsão tributária e “agiotária”, levada muito além do suportável pelo ser humano que, no Brasil, não tem mais a quem recorrer senão a Deus, a quem implorei inspiração para elaborar a RPL-PNBC-DD-ME, a libertação, via Projeto Novo e Alternativo de Política e de Nação, o novo caminho para o novo Brasil de verdade, porque evoluir é preciso, alicerçado na paz, no amor, no perdão, na conciliação, na união e na mobilização pela mega-solução, tal seja o sucesso pleno do bem comum do povo brasileiro. http://www.folhapolitica.org/2014/03/general-diz-que-militares-estao.html?fbclid=IwAR0LfjOA1SS7asgeWig0w2O7eKUHRsXH3jm1Tbixy6wf0Icgh7arwS8WOJQ

  2. Não entendo quase nada de direito e justiça, ou mesmo qualquercoisa parecida, pois como engenheiro estou muito próximo das ciências exatas e dos fatos concretos que pautam nossas vidas sem muito sofismas.

    Mas percebo que há em torno dessa questão desse presidiário um excessivo gasto de tempo e de dinheiro público para julgar, ninguém sabe mais quantas vezes, aquilo que já foi julgado.

    E ainda temos que ouvir e ler diariamente que uma pessoa que teve acusações, investigações, denúncias, julgamentos, condenações e por fim foi preso por condenações em várias instâncias, que é um preso político.

    O STF está de cabeça para baixo só porque esse criminoso que não confessa um só crime, dos milhares que cometeu, e também não tem a coragem de processar por calúnia ou difamação, todos aqueles que o acusaram, como Palocci, Marcelo Odebrescht, Emílio Odebrescht, outros presidentes de grandes empreiteiras, altos funcionários de estatais e de empresas públicas e privadas.

    Parece que se vive um mundo irreal vendo a defesa desse bandido se apresentar com toda pompa e desfaçatez propondo que aceitemos uma versão descabida e longe de qualquer veracidade.

    Mas triste ainda é ver a justiça brasileira dando guarida a quem só fez muito mal ao país.

    Isso vai acabar mal, se estes ministros não tomarem um atitude firme e peremptória contra esse malfeitor.

  3. Por que o advogado do Lula tem o privilégio de insistir em colocar o assunto em pauta no STF? Afinal, o STF não é movido pelo dindim do povo? Depois dizem que devemos respeitar a democracia e as leis. Mas eles podem cagar em nossas cabeças e ficar por isso mesmo.
    Precisamos de homens no Brasil, urgentemente. Será que eles ainda existem nos intramuros dos quartéis? Duvido.

  4. Pelo menos um Roberto sério, íntegro e falando com nitidez de pensamentos e idéias o Sr. Roberto Velasquez , sua análise é perfeita, mas, estamos, ainda, sob a dominação da quadrilha nos “Podres Poderes”, o que já fizeram de “crimes jurídicos à luz do dia é um primor de safadezas”, todos os dias criam alguma coisa para soltarem o “Capo Delles” , o igual que pode dar continuidade a delinquência lulopetralha que arrastou a Nação para esse caos financeiro, econômico e social, já que o moral e ético passaram do fundo do poço ! Observe o movimentar do Alcolumbre e Maia, é a “Dupla Lulopetralha do Mal” a serviço do lulopetralhismo, também em impedir os passos do Governante Bolsonaro e do Brasil. Onde já se viu o Presidente da República nomear um Ministro, e, Legalmente Formalizar os Objetivos, Finalidades e Atribuições do Ministério e lá vem o Maia e o STF impedir que o Ministro tal possa exercer suas Atribuições porque eles não querem a legalização de terras com tal Ministério ??? Isso só existe no Brasil um Presidente não poder Distribuir Finalidades e Atribuições de seus Ministérios e ter que se submeter criminosamente aos Poderes Judiciário e Legislativo, isso é Gerência, Administração e nada tem haver com esses Poderes que são para Legislar e Observar as Leis. Dá nojo, já passa seis meses e a Nação parada no Legislativo e o Judiciário parando o País pronto para soltar o Chefe da Maior Organização Criminosa de nossa História que juntos com membros de todos os “Podresres” assaltaram todos os Cofres Públicos dessa infeliz Nação. Temos que dar um fim nessa palhaçada de que os passos do Governo e do Governante tenham que ser dados e ouvidos pelo Judiciário e Legislativo, isso é crime de lesa-pátria e “Usurpação de Poder” , Crime Maior contra a Nação e o Povo !!!! Parabéns Roberto Velasquez ! Acordem Senhores do Câogresso Infernal e membros do STF”, o Brasil e o Povo Brasileiro não podem mais suportar esse sequestro imoral que a cada dia empurra a Nação inteira para o imponderável, será que vocês tem condições morais e éticas de empregarem mais de 30 milhões de Brasileiros Desempregados e passando necessidades, enquanto vocês passam horas dos dias discutindo lorotas imorais jurídicas para soltarem seu Igual, Chefe e Amigo, Lula da Silva Responsável Maior desse Caos em que nos encontramos ??? Chega de Palhaçadas, o Brasil merece respeito e o Povo Brasileiro da forma que vocês conduzem a Nação, logo, irão derrubar essa Bastilha de Inconsequentes, Irresponsáveis e Maus Brasileiros !!!!

  5. Paralelamente ao julgamento pelo STF de dois HC em favor de Lula, o americano ladrão e criminosos, Greenwald, casado com um brasileiro que é deputado federal pelo … Psol(!), explicava aos deputados em uma das tantas comissões de merda existente no antro de venais, vulgo congresso nacional, que Moro era o chefe da Lava Jato, e que mandava e desmandava nos procuradores.

    https://gauchazh.clicrbs.com.br/politica/noticia/2019/06/moro-era-o-chefe-da-forca-tarefa-da-lava-jato-diz-glenn-greenwald-em-audiencia-na-camara-dos-deputados-cjxcchwge02ex01p4asxz5uaa.html

    Evidente que, a cada palavra, os petistas exultavam. A “amante”, deputada Gleisi, presidente da quadrilha PT, quase se atracou com uma deputada porque esta foi firme ao dizer que o jornalista americano, ladrão e criminoso, deveria sair daquela comissão PRESO!

    Gleisi teve um ataque, chiliques, cuspindo-se toda, com a ofensa ao depoente, pela deputada que não via em Moro conduta alguma para ser agredido e ofendido, ainda por cima por um estrangeiro, independente de ser esposa ou marido de um corrupto, ladrão, desonesto, inútil, perdulário e irresponsável parlamentar.

    Enfim, o país vive mudanças abruptas e bizarras, onde a correção, o honesto, um juiz que cumpriu com a sua obrigação, encontra-se à mercê de um bando de canalhas, ladrões do erário e do povo!!

    Aliás, as declarações do presidente do senado, outro porco imundo, dizendo que Moro deveria estar na cadeia(!), da mesma forma o seu colega presidente da câmara, deveriam vir a público e explicar a seguinte manchete:

    “Em 13 meses, 309 viagens internacionais de deputados brasileiros”.

    Em média, 26 deputados federais têm viajado, todo mês, para destinos nos Estados Unidos, Europa e Ásia. Permitidas pelas regras da Câmara dos Deputados foram 309 viagens internacionais em um ano, e custaram R$ 3,9 milhões aos cofres públicos, de janeiro de 2018 a janeiro de 2019. Os dados foram revelados ontem (24) pela organização Contas Abertas.
    As viagens são autorizadas pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia, a pretexto de dar aos congressistas “acesso a novos conceitos, políticas públicas e experiências legislativas úteis ao Brasil” , mas é mesmo um filho da puta!!!
    Na prática, os deputados viajam a destinos turísticos, como a praiana Dubrovnik, cidade costeira da Croácia, cenário de “Game of Thrones”. Ela está na moda.
    Depois, as excelências apresentam justificativas precárias dos gastos. E fica por isso mesmo…

    https://www.espacovital.com.br/noticia-37113-em-13-meses-309-viagens-internacionais-deputados-brasileiros

    Pois são essas “reservas morais” que querem acusar Moro!!!

    • Prezado amigo Bendl,
      Você tem toda a razão. O que está acontecendo no Brasil é a inversão de valores.
      Eu acho um erro o ministro Sérgio Moro voluntariamente ir a câmara dos deputados se defender das publicações do Intercept obtidas ilegalmente por hackers, sem autorização judicial e sem a verificação da autenticidade das publicações por órgão oficial.
      Ao ir a Câmara dos Deputados, o ministro ficará exposto a ofensas e agressões dos bandidos ladões do povo.
      Um forte abraço.

      • Jacob, meu amigo,

        Faz algum tempo que perdemos o pouco de identidade que tínhamos como povo e País.

        O tecido social brasileiro se rompeu, rasgou, e sobraram trapos, que não têm serventia alguma.

        A divisão do povo através desta política deletéria, corrupta e insana, de radicalismos e de absoluta ignorância, pelo fato de metade do país estar caracterizado pelo analfabetismo absoluto e funcional,
        pobreza e miséria, mais de 120 milhões que recebem até 1.500,00 mensais, incluindo 40 milhões que vivem com até 400,00 reais por mês, e 20 milhões que lutam por 120,00 reais mensais, os que estão abaixo da linha de pobreza, mais ainda nos afastamos das soluções, na razão inversamente proporcional ao aumento de nossos problemas.

        O antro de venais, vulgo congresso, mostra-se na plenitude da inutilidade, corrupção, roubos, viagens intermináveis de parlamentares para o exterior(!?), inexistência de comprovantes de despesas ou notas falsas para o recebimento de suas indenizações referentes às despesas pessoais, encontramo-nos, Jacob, na pior situação de nossa história:
        Ou decidimos crescer, nos desenvolver ou, então, fomos vencidos pelos três poderes, nossos inimigos declarados!

        Quanto aos “representantes do povo”, a escória política, os ladrões e traidores da população e País, o parlamento venal, este não merece qualquer atenção de quem quer que seja, pois imoral e antiético.

        Se tanto temos reclamado do STF, e com razão, muito mais deveríamos estar criticando e veementemente contra o congresso, cerne, âmago, de todos os nossos problemas conjunturais e estruturais!

        ENQUANTO O LEGISLATIVO NÃO FOR FECHADO, este poder apodrecido pela desonestidade continuará na sua trilha de corrupção, de interesses e conveniências pessoais e partidárias.

        E afirmo o que escrevo, Jacob, mediante a comprovação tácita da impunidade que reina no Brasil, a ponto que os partidos políticos que receberam BILHÕES DE REAIS ROUBADOS DAS ESTATAIS E FUNDOS DE PENSÃO não devolveram um centavo que fosse para os cofres da Nação!

        E querem acusar Moro, ofendê-lo, humilhá-lo, agredi-lo e ofendê-lo??!!

        Abração.
        Saúde.

  6. CURIOSOS DESTAQUES (3 x 2 na turma ou 6 x 5 no pleno): Já era esperado que o julgamento do habeas corpus de Lula da Silva ficasse para agosto… O mais incrível foi a mudança de posicionamentos, os ministros pareciam crianças disputando um brinquedo… Assim, por 3 a 2, o sonho de libertar Lula e forçar a barra para mantê-lo fora das grades acabou novamente em pesadelo… Mas teremos novas emoções em agosto, quando novamente o decano Celso de Mello (estando próximo de sua aposentadoria) vai decidir a votação…

  7. Leiam isso :

    Prestem atenção nesse ponto do voto do Celso de Mello hoje:
    1)“O fumus boni iuris [fumaça do bom direito] está descaracterizado, quer pela existência de três títulos condenatórios, emanados no juízo de primeiro grau, do TRF-4 e do STJ; seja também especialmente quando se discute a questão da revelação de fatos e eventos por aquele portal The Intercept Brasil, pela própria iliquidez daqueles fatos”
    Traduzindo: Celso de Mello considera que Lula perdeu o direito à presunção de boa fé, ou presunção de inocência, uma vez que não é só um preso provisório ou um condenado em primeira instância, mas sim um condenado em 3 instâncias, o que afasta a presunção de inocência a todos devida.

    2)“Em razão de seu conteúdo haver sido contestado pelo ex-juiz federal Sergio Moro quanto à sua autenticidade, havendo ele afirmado – correta ou incorretamente, não vem ao caso – que essa ‘disclosure’ dos dados poderia ter sofrido edição ou até mesmo adulteração”, completou em seguida.
    Citou artigo do Código de Processo Penal que exige perícia de dados particulares e outro do Código de Processo Civil que impede o uso deles quando não se comprova sua veracidade.

    Traduzindo: Celso de Mello colocou o Verde Verdevaldo e seus criminosos em uma sinuca de bico.

    1- Se a defesa de Lula quiser usar os vazamentos no HC, terão que periciar os dados e atestar sua veracidade, conforme determina o CPP e o CPC.

    2- Se os dados não puderem ser periciados, ou não forem entregues p/ perícia, e a cada novo vazamento o Moro afirmar: “não reconheço isso”, os fatos continuarão “ilíquidos” como disse Celso de Mello, ou seja, não passíveis de gerar efeito jurídico.

    Ou o Verde Verdevaldo entrega o material que ele tem pra o STF ou a PGR ou a PF periciar e atestar, e aí ele poria fim na sua farra, ou esse crime dos vazamentos não poderá ser usado no processo de suspeição contra Moro, por ser prova ilícita, não periciada e não atestada sua autenticidade.

    Lá dos EUA o Moro abriu um sorrisão ao ler o voto do Celso de Mello.

    Celso de Mello é um garantista, mas não é vendido como Gilmar e Lewands.

    Isso significa que um garantista jamais aceitará a inclusão de provas ilícitas que não possam ser periciadas ou autenticadas, ainda que beneficiem o réu.

    A jurisprudência até permite o uso de provas ilícitas para beneficiar o réu, desde que comprovada sua autenticidade e integridade, o que é virtualmente impossível com os vazamentos do Verdevaldo.

    by Rio Atrato

  8. IMBRÓGLIO VAI LONGE: Na última sessão do semestre, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu negar nesta terça-feira (25) liberdade ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva enquanto não conclui a análise de um pedido de suspeição do ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sérgio Moro, apresentado pela defesa do petista. https://g1.globo.com/politica/noticia/2019/06/25/segunda-turma-do-stf-decide-manter-lula-preso-enquanto-nao-analisar-suspeicao-de-moro.ghtml?utm_source=facebook&utm_medium=social&utm_content=post&utm_campaign=g1&fbclid=IwAR2FtOeDVmUrZSGE8SLvTT1EN5oCLv2OVH-JVPbTTPcnhK5Xjuyd6a5LD90

  9. Meu Deus do céu caro Carlos Newton, sei que você não acredita nEle mas você acabou com o decano, resumiu tudo no “bipolar”. O decano ontem deu evidentes sinais de que algo não vai bem dentro dele, passou a hora de pedir a aposentadoria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *