Ciro: medo do rebaixamento

O ex-governador do Ceará, tem muitos problemas para confirmar ou não, a candidatura a presidente. É lógico que existem várias etapas. Mas o ponto mais grave é a comparação com 2002. Nesse ano, Garotinho foi candidato pelo mesmo PSB e teve 15 milhões de votos.. Agora, pelas pesquisas e expectativas, Ciro está bem longe.

A propósito de Garotinho

Ele é mesmo candidato a governador? Se é, não parece. Seu nome não sai em lugar algum, está distante, ele que é indiscutivelmente, um tremendo marqueteiro de si mesmo.

Incerteza no Estado do Rio

Essa parece ser a chave da campanha do Rio. Existem 4 cargos desejáveis. Lançados mesmo, só Cabral e seu substituto diário, Pezão. Os que diziam que disputariam o governo ou uma vaga no senado: Gabeira, Picciani, César Maia, Dona Benedita, Lindberg Farias, Dona Frossard, e mais alguns. Todos silenciosos e indefinidos. Surpreendente. Assim acabam devolvendo ao Estado do Rio, a tragédia quase anunciada: reeeleição de Cabral

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *