Dívida segue aumentando e o mercado questiona a retomada da economia

Resultado de imagem para divida publica charges

Charge do Paixão (Gazeta do Povo)

Hamilton Ferrari
Correio Braziliense

Com indicadores recentes mostram desapontamento crescente com os indicadores da atividade econômica, deixando absolutamente transparente que a recuperação do emprego em termos efetivos é modestíssima, as contas públicas estão cada vez mais deterioradas. Por conta dos deficits consecutivos, a dívida bruta pública está aumentando e, segundo analistas, não deve parar de subir até 2021 ou 2022. Os mais otimistas acreditam que o endividamento pode chegar a 85% do PIB neste ano, enquanto outros contabilizam que passará de 100% até 2021.

O Palácio do Planalto começou um trabalho intenso para conseguir cumprir em 2018 a chamada regra de ouro, legislação que impede o governo federal de emitir dívidas para pagar despesas correntes, como salários de servidores e aposentadoria. Serão necessários mais de R$ 203 bilhões neste ano para o Executivo não desrespeitar a norma.

BUSCA DE RECURSOS – A equipe econômica está se debruçando para encontrar recursos que ajudem no trabalho. O ministro do Planejamento, Esteves Colnago, e o secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, agendam reuniões com os ministros do Tribunal de Contas da União (TCU) para conseguir o aval a fim de mexerem na verba do Fundo de Fiscalização das Telecomunicações (Fistel). A iniciativa pode render R$ 10,5 bilhões ao caixa federal.

Com indicadores demonstrando resultados ainda cambaleantes e cenário fiscal drástico, aliados às incertezas quanto a agenda de reformas para 2019, o mercado põe um pé atrás e questiona o crescimento econômico. O Banco Central espera expansão de 2,6% no PIB de 2018, enquanto o Ministério da Fazenda trabalha com alta de 3%.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
A campanha de Temer para a reeleição está totalmente baseada no sucesso da economia. Mas o tal sucesso é obtido à custa de endividamento. Portanto… (C.N.)

10 thoughts on “Dívida segue aumentando e o mercado questiona a retomada da economia

  1. “Os mais otimistas acreditam que o endividamento pode chegar a 85% do PIB neste ano, enquanto outros contabilizam que passará de 100% até 2021.”

    -Esse é o futuro que os doutores e “especialistas” do PT e do PSDB reservaram para os brasileiros. Brevemente teremos que trabalhar só para pagar impostos.

  2. Os mais otimistas esperam ver meirelles e temer servidos no espeto…
    Os mais otimistas esperam ver o Itaú praticando no Brasil os mesmos juros que pratica no Paraguai…

    • Prezado Roberto.

      Ainda não existe autoridade querendo fazer segurança pública no Brasil. Tudo é uma farsa, pois seria inocência alguém esperar ver bandido prendendo bandido e traficante prendendo traficante quando todos os nossos governantes nutrem simpatia pelo crime e pelos criminosos!

      No final de semana passado foi noticiado que uma quadrilha de bandidos foi presa em uma BLITZ DA LEI SECA, no Rio de Janeiro.
      -Quem lê não ver nada errado. Afinal, blitz é blitz. Mas… então por que ela tinha esse nome “lei seca”?
      -Ora, porque ela foi estudada e montada, especificamente, em uma região com maior propensão de transitar motoristas vindos de bares, de festas e de restaurantes.
      As autoridades da blitz em questão não a planejaram visando coloca-la uma região que oferecesse maior risco de assaltos, de furtos ou de trânsito de bandidos e de veículos roubados. Ela não foi feita pensando em prender bandidos e dar segurança à população; ela foi feita pensando em multar motoristas e arrecadar recursos! Essa é a diferença do objetivo e por isso tinha esse nome “da lei seca”. A prisão dos criminosos aconteceu por mera fatalidade.

      Portanto, enquanto a população brasileira está sendo CAÇADA E MORTA, as autoridades estão “dando de ombros” e, assim como OS BANDIDOS E TRAFICANTES, estão mesmo é pensando em “tirar uma casquinha” e arrecadar com multas e impostos em cima dos mesmos otários!

      Abraços.

      • Perfeito, prezado Francisco.

        Ingenuidade demais imaginar que um canalha como Temer tivesse alguma intenção de combater de fato a violência com essa intervenção e meia bomba. A patética entrevista inicial do interventor nomeado evidenciou que não havia nada planejado. Os resultados, dois meses depois, são pifios.

        Já postei esse artigo anteriormente, mas vale a pena faze-lo de novo. As próprias FFAA estão conscientes de que estão sendo usadas pelo governo:

        http://clubemilitar.com.br/cobertor-curto/

        Um abraço

  3. Sapo Maldito e sua obra!

    Do BR18:

    “Brasil quitará calote de Venezuela e Moçambique

    Michel Temer informou aos líderes governistas na Câmara e no Senado que mandará ao Congresso um projeto de lei de suplementação orçamentária para votação no dia 2 de R$ 1,3 bilhão para honrar um pagamento com vencimento em 8 de maio que os governos da Venezuela e de Moçambique não vão pagar.

    Os recursos são do fundo garantidor, contraídos juntos ao Credit Suisse e ao BNDES. Caso não quite a parcela, o Brasil ficará inadimplente diante do sistema financeiro internacional.”

  4. Para um Brasil que nao quer aprender, disse o mestre:

    “Debulhar o trigo
    Recolher cada bago do trigo
    Forjar no trigo o milagre do pão
    E se fartar de pão

    Decepar a cana
    Recolher a garapa da cana
    Roubar da cana a doçura do mel
    Se lambuzar de mel

    Afagar a terra
    Conhecer os desejos da terra
    Cio da terra propícia estação
    E fecundar o chão”

    Milton

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *