Final do Mundial de Clubes

Deu exatamente o que eu esperava e acreditava: Barcelona contra Estudiantes. O primeiro, todos sabem, é da resistente, intransigente e belíssima cidade onde meu pai nasceu. O segundo, porque gosto muito do Verón, e já vi muitos jogos em Mar Del Plata, principalmente na Copa do Mundo de 1978.

(A Copa em que se enfrentaram as ditaduras daqui, já quase no fim, mas ainda torturadora. E a de lá, que duraria mais 5 anos e ganharia essa Copa nos Vestiários. Única diferença entre as duas: na de lá, todos foram punidos. A não ser os que tiveram a sabedoria de morrer antes do fim. Não deles, mas da mortandade torturadora).

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *