Fluminense, Botafogo, Náutico, Atlético-PR, Santos e mais

No primeiro tempo, Botafogo-Grêmio fizeram o “joguinho” que suas posições prometiam: zero a zero. O Botafogo teve pouca chance, o Grêmio, muitas possibilidades, desperdiçou todas. Surpreendentemente, o defensivista Fluminense fez logo um gol, mas não resistiu, deixou o Santos empatar. Palmeiras e São Paulo não fizeram gol, o Atlético do Paraná dominou e fez dois gols contra o Náutico.

No segundo tempo, dois jogos mereceram comentários especiais. O Fluminense (do Parreira) ia perdendo sem reação. A partir de determinado momento, reagiu com violência. Teve dois jogadores justamente expulsos, perdeu de 4 a 1. O Santos conseguiu a primeira vitória, foi para 5 pontos. o Fluminense ficou nos 4. O massacre contra Neymar, vergonha nacional.

Honra, brilho e consistência do Náutico. No primeiro tempo, perdia por 2 a 0. Reagiu, fez 3 gols, ganhou o jogo. estava com 4 pontos, foi para 7.

Palmeiras e São Paulo podiam jogar mais 150 dias, não fariam gol. O Botafogo não sai de onde está. Três jogos, nenhuma vitória, 2 pontos.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *