Hortência – Wlamir Marques

A ex-jogadora domina o basquete. Foi à Europa, disse sensatamente: “Os técnicos brasileiros não se renovam, não viajam, não assistem jogos no exterior, nem sabem se existe basquete lá”.

Está quase contratando o argentino Magnano para técnico da seleção, nada contra. Mas poderia convidar o bicampeão mundial, Wlamir para analista da seleção. Ninguém conhece basquete como ele, no Brasil ou fora do Brasil.

Poderia ser analista ao lado de Magnano ou da própria Hortência. Nem sei se aceitaria. Só vejo jogos do Brasil, quando Wlamir comenta, é melhor que a própria partida.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *