Lula teve cerceado o seu direito de defesa na audiência da última quarta-feira

Resultado de imagem para lula depõe

Juíza “enquadrou” Lula duas vezes durante o depoimento

José Carlos Werneck

Nunca pensei que um dia viria a usar este espaço para defender o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, pois sempre sempre fui um crítico severo de sua política e de suas atitudes. Sinceramente, não entendi a advertência a ele feita pela juíza Gabriela Hardt, durante o interrogatório a que foi submetido, na última quarta-feira.

A certa altura, a magistrada declarou: “Senhor ex-presidente, isso é um interrogatório e se o senhor começar nesse tom comigo, a gente vai ter problema. Vamos começar de novo, eu sou a juíza do caso.”

UMA PERGUNTA – Não vi na indagação do ex-presidente, quanto à propriedade do sítio, nenhuma falta de respeito em relação à magistrada. Lula só perguntou se ele era o proprietário do referido imóvel. Nada mais. Apenas uma pergunta corriqueira, para saber qual a acusação que lhe era imputada no processo, objeto daquela audiência.

O ex-presidente não tem formação jurídica e por conseguinte não está obrigado a conhecer as filigranas dos ritos processuais. Repito, fez apenas uma pergunta,despida de qualquer arrogância ou ironia.

O interrogatório feito pelo juiz, como aliás foi muito bem lembrado pelos advogados do ex-presidente, é a ocasião propícia para que o réu possa exercer plenamente sua autodefesa e esclarecer as dúvidas, que por acaso tenha sobre as acusações a ele imputadas.

INTIMIDAÇÃO? – Também quanto à afirmação de Lula de que poderia pedir ao PT que todos os filiados abrissem processo contra o Ministério Público, isto não constitui, de maneira alguma, uma intimidação, conforme disse a juíza. Todo jurisdicionado tem o direito de abrir processo contra quem quer que seja, e se estes forem Infundados, deve arcar com os riscos inerentes à sua iniciativa

Da mesma maneira que Lula foi advertido pela magistrada, também os procuradores que participavam da audiência igualmente deveriam ter sofrido advertência, quando tentaram, em momento indevido, manter um debate paralelo querendo assumir para si um papel que cabe unicamente à juíza, que segundo às regras previstas na Legislação Processual, preside as audiências.

À VONTADE  – Como afirmei acima, estou totalmente à vontade para falar sobre os processos que o Sr. Luiz Inácio Lula da Silva responde perante a Justiça e, com relação a este referente ao sítio de Atibaia, sou de opinião que existem robustas provas que o imóvel é realmente de sua propriedade, mas isso não impede que aqui se afirme que ele teve cerceado o seu direito de defesa e foi tratado como uma rispidez totalmente desnecessária, sem que desse quaisquer razões para isso.

A Justiça deve ser feita e é sempre bem-vida. O massacre e a humilhação, jamais!

59 thoughts on “Lula teve cerceado o seu direito de defesa na audiência da última quarta-feira

    • Sou carpinteiro mas tenho bom senso e perspicácia bastante para enxergar o óbvio que escapa até mesmo aos que são letrados: a juíza simplesmente impôs a ordem. O juiz em sessão da corte tem que ser respeitado. O Inácio, com o seu narcisismo e mania de grandeza, quis se sobrepor ao juiz.
      Foi o que vi e ouvi.

    • No caso, não é depoente, mas, isto sim, acusado, réu, interrogando, e o Dr. Werneck está repleto de razão, não se trata de defender o ex-presidente, mas, isto sim, defender o estado democrático de direito, no caso o direito da pessoa humana posta na condição de réu, que é um ato face ao qual o réu deve ter a mais ampla oportunidade de apresentar a sua versão, sendo-lhe conferido por lei, até mesmo o direito da mentir, ou permanecer calado, sem que ninguém possa obrigá-lo a falar, assim com não é direito membros do MP ou o próprio juiz armar-lhe pegadinhas. É um questão de decência na administração da justiça.

  1. Engraçado é que seus advogados, e são muitos, não viram dessa forma. E de novo, “o ex-presidente não tem formação jurídica e por conseguinte não está obrigado a conhecer as filigranas dos ritos processuais”, mas tem uma ou mais dezenas de advogados, sempre prontos a $erví-lo!

  2. Caro Werneck

    Eu assisti atentamente ao vídeo da audiência.

    No caso descrito no seu artigo, Lula aos berros fez pergunta à magistrada e isso é inadmissível num interrogatório de um réu seja ele quem for.

    Respeitosamente, a meu ver, considerando a figura em pauta, um criminoso já condenado e encarcerado, a juíza agiu corretamente e cortou as asas de conhecido vigarista abusado e atrevido.

    Abraços!

    • O réu tem o direito sim de perguntar ao juiz o que julgar necessário ao seu esclarecimento, inclusive a razão pela qual está sendo processado, tem direito até de fazer acusações contra o próprio juiz presidente da audiência e exigir que seja tudo consignado nos termos da audiência, inclusive apontar o dedo ao juiz e dizer-lhe considero-o suspeito, inimigo capital, ou amigo íntimo do seu desafeto, sem condições morais e legais de julgar o processo, quando for o caso.

        • Talvez não passe disso mesmo. Um dia vc vai ficar diante da arrogância autoritária e arbitrária dessa gente, e daí vc vai entender do que estamos falando.

          • “Ficar diante da arrogância autoritária e arbitrária dessa gente” não anula a autoridade e o respeito que temos que ter perante essa gente.

          • De gente autoritária tenho apenas nojo, e respeito nenhum, porque não se dão ao respeito, autoridade e liderança não se impõe, se conquista na moral, com respeito e autoridade na medida certa. Ademais, autoridade sem autoridade moral não é um bem mas isto sim um mal.

  3. Caro Sr. Werneck, respeitosamente, o senhor não está levando em conta que nao está sendo julgado um criminoso qualquer.
    Este vagabundo foi, e é, responsavel por uma carnificina nunca vista neste pobre e destruido país.
    Um dos maiores genocidas nascidos nestes tristes trópicos.
    Um dia, no futuro, veremos o tamanho do estrago causado por este bandido!!!

  4. “Não vi na indagação do ex-presidente, quanto à propriedade do sítio, nenhuma falta de respeito em relação à magistrada. Lula só perguntou se ele era o proprietário do referido imóvel. Nada mais. Apenas uma pergunta corriqueira, para saber qual a acusação que lhe era imputada no processo, objeto daquela audiência.”

    Werneck, li este parágrafo e realmente você reforça a ideia que eu faço de que, quando alguém não quer ver uma coisa, ainda que Jesus Cristo apareça em pessoa, a pessoa não crê mesmo.

    Quanta inocência, não? “Lula só perguntou”. Lembrei-me de Judas Iscariotes na chamada Páscoa. Quando Jesus afirma que um dos discípulos o haveria de trair, Judas, indaga, “porventura sou eu?”. (Mateus 26:25).

    Concordo com você, Werneck, Lula fez apenas uma pergunta, se ele era proprietário do imóvel.

    Uma pergunta a você Werneck, trata-se de um interrogatório sobre propriedade do imóvel? Diga a todos nós, se tratava-se de domínio real?

  5. Exatamente, Sr. José Carlos Werneck. Falei disso no meu twitter.
    A juíza foi extremamente ríspida.
    O acusado exerce sua autodefesa.
    A juíza afirmar que é o acusado quem deveria dizer “se era ou não proprietário” foi outra passagem ridícula.
    Parece que Estado-juiz e Estado-acusador estão numa intifada seletiva.
    O juiz não deve ser imparcial como deve parecer imparcial, fazendo uso de uma analogia ao proverbio “A mulher de César não basta ser honesta, deve parecer honesta”.
    Tenho vergonha de ver advogado que não vê nada demais nisso. Talvez sejam necessários exames periódicos da OAB.

  6. E concordo com o que afirmaste, caro Werneck:

    “A Justiça deve ser feita e é sempre bem-vida. O massacre e a humilhação, jamais!”

    • Se no período em que Sergio Moro trabalhava para eleger Bolsonaro, Moro era durão como Lula. Agora, Bolsonaro eleito, e Moro premiado com um megaministério, quem ficou no lugar de Moro, ficou também com o compromisso de consolidar o poder que se inicia na República. Isso significa: vedar todos orifícios por onde Lula possa respirar!

  7. Impressionante…..

    Bastou baixar a poeira da eleição perdida (apesar da fantástica votação no nordeste claro) para ressucitarem todas as viuvas do inclcito, honesto, ingenuo, puro, e outras coisitas más sr Lula.

    desculpem a veemência, mas é muita caridade sempre com o mesmo malfeitor.

    Lula é um ignorante que nem sabe porque esta sendo processado?

    Nao conhece minimamente os ritos de um processo?

    Acha normal convocar milhares de pessoas para processar os representantes da justiça que ousaram processa-lo?

    Acha normal dizer que é normal alguem nao se preocupar em pagar uma conta que a obrigação de cobrar e do credor?

    realmente, ele foi um presidente muito eficiente, apesar de seus constantes desmentidos de que nao sabia de nada.

    Nos transformou todos em imbecis renomados que nao sabem pensar, nao sabem ler as leis, nao saber interpretar posturas claras, em sadicos refinados que so querem perseguir quem so nos fez o bem, que validam uma justiça que so que perseguir quem usufruiu de 14 anos de delicias…enfim Lula apesar de todo este tempo próximo ou no poder , de forma completa, aindaé

    um puro, ingenuo e analfabeto retirante nordestino….

    Mas aí fica uma duvida…..
    .
    Como uma pessoa tao fragil pode governar e ser o lider messiânico de 45 % de um pais grande como o Brasil????

    Como o povo deveria escolher alguém com tao pouca capacidade de discernimento para VOLTAR a nos guiar???

    So no Brasil isto acontece……

    deve ser porque achamos normal a Suzana matar os pais e ficar 6-7 anos e depois sair no dia dos pais enquanto na tirânica Espanha o brasileiro que matou os parentes, so vai poder pleitar uma redução da pena depois de 22 anos…..

    Coitada da Espanha, sera que ela nao sabe e nao aprende que ser caridosa com os meliantes de todo o genero , pode leva-la a ser uma grande justa e serena nação????

    O Brasil, inclusive do nobre colega Werneck tem muito a ensinar ao mundo

    pena que os cobaias sejam os brasileiros

    • É mesmo impressionante um país que há 30 anos gira sem sair do lugar em volta de um Boçal, Traidor, Canalha, Vagabundo e Apátrida chamado Lula da Silva.

      Quando nos livraremos deste ser abjeto e diabólico?

  8. Werneck, não entendo aonde está a sua dor. Sabemos nós, vós e eles que a propriedade real do sítio (como bem aborda o Eduardo) é um dos pontos fulcrais do embróglio.

    Trata-se de questão de direito afeita ao julgador. Se respondesse estaria antecipando sua decisão, por isto colocou ordem na casa.

    Apenas e tão somente isto.

    Aliás, Lula deve ter sido orientado pelos milhares de advogados que o sustentam, a “achacar” o juízo, machista do “grelo duro” como é, esperando relevância na instrução.

    Deu com os burros nágua, o que é natural no caso dele, e foi colocado no lugar de réu. Apenas isto.

  9. Boa noite,
    É a subjetividade da visão que leva a escrever umas coisas dessas…Só pode, pois onde todo mundo viu arrogancia, desprezo e empafia, vc viu cerceamento.
    Fazer o que.
    Agora vai aparecer um monte de analistas vendo um monte de coisas apenas para se diferenciar e poder aparecer. Ex. Mirian Leitão criticar uma oração, Dr. Beja ver ódio na verdade dos cubanos e este artigo, colocando o molusco como coitado…
    Mas ainda bem que temos a internet e informação a vontade, cada um vê e acredita no que quiser.

  10. Lula foi extremamente irônico sim, e levou uma invertida muito bem dada pela juiza. O palhaço queria fazer comício de novo mas enfrentou uma magistrada preparada e firme.

  11. Werneck..você está bem de visão!
    “Benza” Deus!
    Que bom!
    Você conseguiu ver uma mosca num chifre na cabeça do cavalo!
    Ou será que viu um piolho no fio de cabelo num ovo….
    Valeu a “tentativa” …
    Lawer…..
    Uashuashuashuash……
    Só rindo mesmo..desse desespero…dessa “sede” de “justitia”….
    Faz favoire….

  12. O autor deste atrofiou-se é analfabeto ou é cretino.

    Em processo no estágio deste, depois de exaustivas fases, o advogado constituído já deveria ter explicado ao réu o motivo da acusação.

    É claro que o criminoso sabe do que é acusado.

    Também é óbvio que alguém que se meta a fazer comentários saiba do que está comentando.

    Por isto a juíza perguntou se o advogado queria se reunir com o criminoso em particular.

    Será que o articulista também vai querer se reunir com seu advogado, ou vai se resignar e reconhecer que escreveu besteiras?

  13. Minha opinião é totalmente diferente dessa do autor do artigo.

    Lula foi petulante, grosseiro, impertinente, autoritário e até machista perante a juíza.

    Lula achou que a colocaria de joelhos, humilhada.

    Porém o criminoso condenado em segunda instância caiu do cavalo. Porque encontrou uma juíza inteligente, preparada, decidida e emocionalmente equilibrada. Que soube colocar o réu no seu devido lugar, apesar das ridículas exaltações dos seus advogados.

    Todo o depoimento pode ser encontrado no YouTube para quem desejar assistir.

    • Dessa missa vc não conhece sequer a metade. Vc não tem ideia de quanto essa gente é arrogante, autoritária, arbitrária, salvo exceções, é claro. Se age assim, contra um ex-presidente, com transmissão ao vivo, imagine como funciona contra os simples mortais anônimos, entre quatro paredes. Dia desse, vi um idiotas desses, ameaçar e até começar a redigir uma multa de R$ 20 mil contra um pobre advogado da assistência judiciária, um senhor idealista, idoso, apenas porque ele pediu o prazo legal para fazer alegações finais mais trabalhadas num processo no qual percebeu que havia manipulação e que a intenção era um condenação desnecessária. Para evitar a multa, que não tinha como pagar, porque na assistência o profissional trabalha praticamente de graça, só tem serviço e responsabilidade, deixou o juiz se lambuzar na arbitrariedade, fez as alegações orais no capricho, e no final perguntou ao juiz: ” e dai, excelência, e a sentença, sai ainda hoje” ? “Daqui a pouco estará nos autos”, respondeu o juiz. Já se passaram cerca de 6 meses e até agora nada da sentença, com a qual ele será levado ao CNJ, por questão de brio profissional do advogado. Pena que Bolsonaro é um bipolar que não sustenta na janta o que come no almoço, porque o judiciário está tão mal das pernas igual ou pior que os demais poderes, tb precisando ser passado a limpo.

  14. Está claro, uma parte do judiciário está querendo se fazer as custas do nome Lula da Silva, se ele errou, deveria haver provas concretas, Aécio Neves foi pego pedindo R$ 2 milhões, Michel Temer pedindo para o dono da JBS manter ajuda a Eduardo Cunha, José Serra e outros do PSDB, continuam livres, leve e solto, se eu fosse Lula, responderia apenas sim ou não, mas quer dar explicações acima do que lhe perguntam, não vai adiantar nada, já está muito claro, se fazerem através do ex-presidente, quem sabe ganha um cargo no stf, stj ou outro qualquer, esta justiça ficou surreal, querem aumento de 16,5 %, não pensam neste país, o quanto é o salário mínimo, é uma droga, não defendo Lula, mas um julgado justo.

  15. Em um interrogatório,quem faz pergunta é o juiz,e Lula,que é inteligente,estava usando de factóide,pq eu que sou um cara da periferia,sei que o processo contra Lula é criminal e não civil,a pergunta dele a juiza,só teria cabimento se fosse um processo civil

  16. Werneck, autor deste artigo em tela é advogado.

    Não posso discutir com o especialista as questões legais, logo, se o articulista afirmou que Lula teve a sua defesa cerceada não serei eu a contestá-lo.

    NO ENTANTO, na condição de povo, da plebe ignara, da ratatulha, a meu ver, o ladrão e genocida não deveria sequer ter julgamento!

    Condenação sumária!!!

    Como analiso a questão de forma mais ampla, e não somente embaixo do manto da justiça, que encobre muitas vezes os crimes cometidos na suas crueldades, não aceito que este traidor, canalha, inescrupuloso, ainda tenha de ser tratado com salamaleques!

    A juíza foi mais que correta. Mostrou ao pústula que a sua megalomania com ela não iria causar qualquer efeito, que a obedecesse, e fim de conversa, de blá blá blá.

    Desta forma, se Werneck apontou problemas nesta audiência com Lula, acato o que disse, mas, o cretino, precisava ser colocado no seu devido lugar, de bandido, de ladrão, e de ter matado indiretamente milhares de brasileiros com os roubos da sua organização criminosa, travestida em partido político!

    • Ser advogado não significa ser dono da verdade. Tampouco significa ser correto ou justo.

      Ele manifestou sua opinião pessoal e quem desejar pode pensar de forma oposta.

  17. Quando o réu é meu ídolo, todos os direitos inclusive presunção de inocência.

    Quando eu não gosto do réu, condenação sumária.

    Diálogo:

    “O senhor lembra de ter encontrado o Paulo Duque”

    “Lembro”

    “Onde foi ?”

    “no aeroporto de congonhas”

    “o que os srs. falaram”

    “hamm, assunto de corrupção que saiu na mídia, sobre conta no exterior, eu perguntei se era verdade ele disse que não, então pra mim estava encerrado”

    “MAS SE ELE DISSESSE QUE TINHA CONTA NO EXTERIOR ?

    Não me lembro se as palavras foram exatamente essas, mas foi + ou – assim.

    Nunca ví alguém fazer uma pergunta dessa em um depoimento.

    Seria parecido com isso:

    -Meu filho o vizinho disse que pegaram várias mangas no quintal dele, você pegou alguma?

    -Não

    -Porque não?

    -Não gosto de manga.

    -E se você gostasse?

  18. Bom… supondo que fosse um jogo de futebol, equivaleria ao centro avante o qual dá o “tiro de centro” ao iniciar a partida, perguntar ao árbitro principal, o que ele estaria fazendo alí, no centro do estádio, do campo, da torcida e dos arbitros? O árbitro perguntaria ao técnico do clube se ele gostaria de explicar ao centro avante o que estava se passando? Ou o árbitro principal perguntaria ao centro avante se ele não sabe efetivamente o que o mesmo estaria fazendo ali?

  19. Caro José Carlos Werneck, fique certo que você ao escrever este artigo reportando uma injustiça feita contra o ex-Presidente Lula comportou-se como o cidadão de bem que todos sabemos que você é. Eu assisti o interrogatório e achei no momento que Lula com mais firmeza pergunta: Eu quero saber se sou acusado de ser dono do sítio, não foi ofensa nem desrespeito. Pareceu que a juiza queria aparecer como durona. Na verdade muita gente pensava que Lula estava sendo acusado de ser o dono do sítio, como já por diversas temos visto na mídia. A acusação é pelas reformas que foram feitas. Registro e parabenizo tua coragem. Hoje lamentavelmente vemos para nossa tristeza aqui no Blog as coisas mais absurdas ditas, parecendo que as pessoas fumaram crack. Ninguém pode falar em justiça. A maioria só pensa em massacrar, desmoralizar, humilhar e sem um mínimo de conhecimento de causa. Se alguém diz: Mata. Vem a manada gritando: mata, mata, mata, mata. Já na Roma Antiga se dizia: Não se tripudia sobre um adversario vencido. Foste muito bem Werneck.

  20. Luis Morais Rêgo Filho: Mais outro “analfabeto político”. Fez uma comparação que nem o sapo cururú, a cobra surucucú pico de jaca e a uruçu cruzeiro entenderam. Estão procurando o Jurupari para ver se ele sabe explicar. Essa foi no rego!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *