Manobras da defesa de Lula acabaram atrasando a campanha de Haddad

Resultado de imagem para haddad candidato charges

Charge do Sinfrônio (Arquivo Google)

José Carlos Werneck

Agora que Fernando Haddad é o candidato do PT à Presidência da República e praticamente chegaram ao fim as intermináveis, ridículas e monótonas manobras dos advogados de Lula, a disputa da sucesso assume seus contornos reais. Ao insistir que o Comitê de Direitos Humanos das Nações Unidas voltou a recomendar que o ex-presidente Lula seja liberado para concorrer nestas eleições, a equipe de defensores de Lula fez um papel totalmente patético, porque essa alegação é uma inutilidade sob o ponto de vista legal, não ajudou em nada o ex-presidente.

Ao contrário, fez com que o argumento caísse cada vez mais na descrença de quem entende minimamente do assunto.

SOBERANIA – Existe um princípio consagrado em Direito, que é o respeito a autodeterminação dos povos, que nada mais é do que o princípio que garante a todo povo de um país o direito de se autogovernar, realizar suas escolhas sem intervenção externa, exercendo soberanamente o direito de determinar o próprio estatuto político.

Segundo um ridículo e risível comunicado dos advogados de Lula, o Comitê da ONU, em resposta a mais um pedido da defesa, reforçou a decisão em caráter liminar, destacando que os Três Poderes devem respeitar acordos internacionais e dar cumprimento à medida.

O advogado Cristiano Zanin Martins, quando afirmou que o novo comunicado do comitê foi anexado a recursos que correm contra o indeferimento da candidatura de Lula no Tribunal Superior Eleitoral e no Supremo Tribunal Federal, parece que pensou que não encontraria vozes abalizadas que reagissem a essa bobagem.

COMUNICADO – Segundo ele, o órgão da ONU afirmou que “todos os Poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário), além das mais altas autoridades públicas ou governamentais, e qualquer nível, nacional, regional ou local , estão em posição de absorver a responsabilidade do Estado-parte”.

O documento foi assinado por dois peritos plantonistas da entidade, que responderam aos advogados de Lula sobre a decisão do TSE de impedi-lo de continuar na disputa eleitoral, por que se   encontra-se preso desde o dia 7 de abril, depois de ser condenado a 12 anos e um mês de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. Lula foi impedido de concorrer por estar incurso de corpo e alma na Lei da Ficha Limpa, que veda o registro de candidatura de pessoas condenadas em Segunda Instância.

PEDIDO NEGADO – Em resposta, o TSE emitiu duas novas decisões contrárias à sua candidatura e a presidente do tribunal, ministra Rosa Weber, negou pedido da defesa para estender o prazo do PT para apresentar um novo candidato.

A data-limite foi mantida e o vice-presidente Luís Roberto Barroso alertou o partido de que as campanhas seriam suspensas caso Lula continuasse aparecendo de forma dúbia, levando o eleitor a acreditar que o ex-presidente era candidato.

Ainda bem que integrantes mais lúcidos do Partido dos Trabalhadores entenderam que estas manobras meramente procrastinatórias dos advogados de Lula eram inúteis e o convenceram a colocar o nome de Fernando Haddad em seu lugar e assim evitaram a interdição da campanha, que só prejudicaria o PT.

5 thoughts on “Manobras da defesa de Lula acabaram atrasando a campanha de Haddad

  1. Adevogado de porta de cadeia mal formado é isso ai! Além de querer cuspir no princípio da Soberania, enche o saco. Recursos e recursos do nine fingers já custaram muito e o STF/STJ/TRF deveriam cobrar ônus de sucumbência desse condenado, corrupto.
    O poste do nine fingers mostra-se poste, pedindo benção a cada ação. Não é possível governar tendo um mandante encarcerado. Estariam copiando as facções criminosas, com anuência do chuchu geraldinho!
    Afronta às pessoas de bem.

  2. Deixem de falar nesse genocida! Valorizem as pessoas de bem, que amam o Brasil, q querem viver livre. Esse bandido acabou com a honra brasileira. Deixem de falar nesse genocida.

  3. É a grana. É muita grana.

    Eles estão se forrando com o dinheiro da corrupção! É claro que não estão trabalhando de “grátis”.

    Assim, jogam os juramentos na lata do lixo mas a grana entra.

    Já foi o tempo que a OAB se manifestava quando coisas assim aconteciam. Agora é tudo bandalha,

    O PT tinha de ficar sem candidato.

    O mais ridículo é o novo candidato Haddad, sendo apresentado por um presidiário!

    Pergunto: quem desejaria ser candidato à presidente do Brasil e ter como “garoto propaganda” um ladrão, corrupto, vigarista que chegou ao ponto de se esconder atrás de um cadáver, da própria mulher?

    E quem está fiscalizando as inserções lulescas?

    O camarada tem de ser um pulha de verdade para se escorar em um bêbado e preso!

    Continuarei a cobrar uma legislação que dê valor ao voto a partir daquele que o exerce.

    Tem brasileiro que não possui condições mínimas para votar, por total falta de conhecimento, responsabilidade, dependência e falta de caráter. Estes não deveriam ter direito a voto.

    Quando fechar o segundo turno, saberemos o tamanho da lama que corre pela dita sociedade brasileira.

    Fallavena

  4. O PT só está nesta campanha para marcar posição.
    Nunca venceram eleição sem estar coligados com o PMDB.
    E não venham dizer que José Alencar era do PR.
    Foi eleito senador pelo PMDB de MG e trocou de partido para justamente compor a chapa com Lula sem despertar ódio da sociedade, que sempre teve reservas contra o fisiologismo do
    PMDB.

    O PT só está desempenhando seu papel de revoltado contra tudo isto que está aí, como se não fosse responsável por nada.
    Ademais, este nobre articulista, um tal de Werneck, nunca deu uma única opinião que fosse digna de nota.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *