O último Master de 2009

Djokovic, mal educado, careteiro, falando sozinho e quebrando raquete, é um bom jogador. Hoje ganhou o primeiro set, perdeu o segundo por 1/6, ganhou o terceiro. O adversário foi Soderling, coadjuvante que jamais chegará ao nível de outros suecos como ele.

Amanhã, Nadal-Djokovic,
final antecipada

Não há o que dizer: o espanhol melhorou muito, e depois de quase ser eliminado duas vezes, chegou à semifinal. Como sobraram dois vencedores e quatro coadjuvantes, vejam o que acontecerá. Um vencedor estará na final.

Dos quatro coadjuvantes, um chegará à final, e quem sabe, conquistará seu primeiro Master. São 3 horas e 36 minutos, Judith Imbassahy e este repórter, satisfeitos.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *