Temer diz que Meirelles já tem maioria no MDB para viabilizar sua candidatura

Resultado de imagem para meirelles charges

Charge do Nani (nanihumor.com)

Gerson Camarotti
G1 Brasília

Cálculo realista feito no Palácio do Planalto indica que Henrique Meirelles, ex-ministro da Fazenda do governo Michel Temer, está com a candidatura à Presidência da República consolidada pelo MDB. Do total de 629 votos previstos na convenção nacional do partido, marcada para o início de agosto, Meirelles teria 440 votos já consolidados. Até então, havia dúvidas sobre a viabilidade de o MDB lançar um nome próprio.

Ainda há resistências, mesmo com a maioria dos votos do partido, como o MDB de Alagoas, que tem influência direta do senador Renan Calheiros, ex-presidente do Senado.

INDICATIVO – No último fim de semana, em conversa com o próprio presidente Michel Temer, em São Paulo, Meirelles recebeu o indicativo de que já há maioria no partido pela sua candidatura.

O que facilitou a viabilidade do ex-ministro da Fazenda é que ele deixou claro que está disposto a bancar integralmente os gastos de sua campanha. Com isso, vai sobrar dinheiro para candidatos da legenda ao Senado, à Camara dos Deputados e aos governos estaduais.

Agora, o MDB está em busca de um nome para ser o vice na chapa à Presidência da República, de preferência, de outro partido. Há tentativa de aliança com o PRB que, recentemente, desistiu da candidatura do empresário Flávio Rocha, executivo do grupo Guararapes, que controla a rede de lojas Riachuelo, entre outras empresas.

5 thoughts on “Temer diz que Meirelles já tem maioria no MDB para viabilizar sua candidatura

  1. Para quem prefere formar convicção embasado nas verborreias, tet-à-tet, entre os candidatos; eis Ciro e Meireles como imbatíveis, nesse tipo de manipulação verbal. Ambos dominam bem a língua-pátria, têm vasto know how prático-teórico, possuem conhecimentos importados da nossa matriz neocolonial (EUA)….. E os outros, o que têm para expor?

    • Habilidade em manipular a língua deve ser imprescindível para uma profissão: camelô!
      Nos USA um amigo fazendo PhD em computação procurou emprego em várias empresas e desistou – as empresas não consideravam o seu curso mas o conhecimento na área de que tinham necessidade do profissional. O mundo sério needs doers not talkers.

  2. -Senhores… fora de tópico, mas só a título de curiosidade:

    DW – “Investigações sobre a ingerência russa nas eleições americanas.
    A aguardada reunião entre os presidentes americano e russo ocorreu somente três dias depois de um júri federal dos Estados Unidos ter indiciado 12 oficiais de inteligência militar da Rússia, acusados de ter invadido computadores da campanha do Partido Democrata durante o pleito de 2016.

    A acusação criminal vem no âmbito das investigações do procurador especial Robert Mueller sobre a ingerência russa nas eleições e também sobre possíveis ligações entre a campanha republicana e o governo em Moscou – o que ambos os lados negam.

    Anteriormente, agências de inteligência americanas sugeriram que a interferência russa tinha como objetivo favorecer a campanha de Trump, que acabou vencendo o pleito, e prejudicar sua oponente, a candidata democrata Hillary Clinton.”

    -Fico imaginando a segurança eleitoral com as nossas urnas…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *