Uma paródia feminina de Carlos Drummond, na poesia da curitibana Alice Ruiz

A poeta Alice Ruiz, eternamente bela e inspirada

Paulo Peres
Poemas & Canções

A publicitária, tradutora, compositora e poeta curitibana Alice Ruiz Scherone, no poema “Drumundana” faz uma paródia feminina de “José”, poema de Carlos Drummond de Andrade.

DRUMUNDANA
Alice Ruiz

e agora Maria?
o amor acabou
a filha casou
o filho mudou
teu homem foi pra vida
que tudo cria
a fantasia
que você sonhou
apagou
à luz do dia
e agora Maria?
vai com as outras
vai viver
com a hipocondria

2 thoughts on “Uma paródia feminina de Carlos Drummond, na poesia da curitibana Alice Ruiz

  1. 1) A poetisa foi feliz em sua paródia, nos falando da realidade a dois e seus caminhos e descaminhos.

    2) Licença… hoje, 07/05/20, é o Dia de Nossa Senhora das Vitórias e neste momento de coronavírus…

    3) Que nossas Vitórias sejam a saúde para resistirmos às cobranças da quarentena e seus desafios vários

    4) Que este corona vá embora logo e possamos voltar a viver o cotidiano com nossas tarefas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *